Vitrectomia Posterior

Via Pars Plana

Nesta técnica, retiramos o humor vítreo através de instrumental especializado. Técnica básica para a maioria dos procedimentos cirúrgicos em doenças vitreorretinianas. Associa-se a este procedimento diversos outros como o peeling de membranas, o endolaser, a troca-fluído-gasosa e o implante de óleo de silicone.


Esta técnica vem evoluindo rapidamente nos últimos anos, o que tem melhorado substancialmente o prognóstico pós-operatório.


Como principais avanços da técnica, vemos como mais importantes a introdução de aparelhos com alta velocidade de cortes e a disponibilidade de diferentes calibres. Em nossa prática diária, temos utilizado instrumentais 20, 23 e 25 gauges sutureless, conforme necessidade de cada caso.